Um termo muito usado no mundo corporativo de hoje, KPIs ou indicadores-chave de desempenho são ferramentas poderosas para uma empresa de qualquer tamanho.

KPIs são valores mensuráveis aplicados aos objetivos de negócios e podem ser usados ​​em todas as áreas de um negócio. Por exemplo, uma empresa pode definir indicadores sobre números de vendas, compras ou retorno sobre investimentos (ROI), como atividade de marketing, para citar alguns. 

Para aqueles que estão fora do mundo corporativo, pode soar como um sinônimo de negócio inovador, mas eles existem há séculos. Na verdade, acredita-se que o uso mais antigo tenha sido na China do século III, quando se diz que a Dinastia Wei os usava para avaliar o desempenho dos membros da família. 

O mundo percorreu um longo caminho desde 300 d.C, no século 20 o uso cresceu em alinhamento com o desenvolvimento de sistemas de computador poderosos, avançando do uso intermitente aplicado a trabalhadores individuais para a valiosa ferramenta de negócios agora usada todos os dias. 

Leia também nosso artigo com dicas de ferramentas de gestão do trabalho

Por que devo usar KPIs?

Os KPIs dirão se seu negócio está avançando ou retrocedendo. O uso deles é inestimável no processo de tomada de decisão e ajudará a impulsionar o crescimento do seu negócio. Se você investe tempo, esforço e dinheiro na gestão do marketing digital ou outras áreas do seu negócio, certamente faz sentido medir o desempenho ou ‘saúde’ desse negócio em uma base contínua. 

Principais benefícios

Esclarecimento – Ajudam a esclarecer a posição atual do negócio e as expectativas de desempenho

Benchmarking – Fornecem um ponto de referência para fazer comparações futuras ou passadas

Foco – Delineiam os aspectos importantes para atenção dentro do negócio

Consistência – Permitem uma abordagem consistente para atingir os objetivos de negócios

Motivação – Engajam os funcionários com os objetivos da empresa

Responsabilidade – Destacam tanto o bom desempenho quanto o baixo desempenho

Eliminação de desperdício – Ajudam a identificar ineficiências dentro do negócio

Como implementar KPIs

Os negócios modernos geram grandes volumes de dados, conhecidos como ‘métricas’. As métricas de negócios variam de números de vendas e produtividade a tráfego na web e seguidores de mídia social, podendo ser financeiras ou não financeiras. O desafio é descobrir quais métricas monitorar e como monitorá-las. 

Os KPIs são individuais para cada negócio. Pense em onde você está agora e onde deseja estar no futuro. Quais números você deve rastrear para garantir que alcance seu objetivo?

Selecione as métricas que são relevantes para o seu tipo de negócio. Por exemplo, uma concessionária de veículos medirá o número de vans vendidas por mês e o lucro médio por unidade, um call center contaria o número de ligações feitas em um determinado período e o número daquelas que foram convertidas em vendas. 

É provável que, sem perceber, você já esteja rastreando métricas importantes – e possivelmente apenas dentro do seu próprio espaço. Comece definindo alguns KPIs básicos inicialmente e, assim que se sentir confortável com o processo, passe para algumas métricas mais complexas. Selecione a área e estratégias de negócios que deseja medir – normalmente dentro de finanças, growth, marketing. 

Revise o progresso regularmente ou em tempo real – veja os dados anteriores e compare com os números atuais e objetivos futuros. 

Continue medindo os KPIs

Muitas empresas não continuam a rastrear ou reavaliar seus KPIs regularmente e, portanto, podem perder dados cruciais para impulsionar o crescimento. Uma pesquisa mostra que as empresas que rastreiam dados regularmente têm duas vezes mais chances de atingir suas metas. 

Acompanhe-as em tempo real, ou pelo menos em intervalos regulares. Existem muitas ferramentas online disponíveis para auxiliar no gerenciamento de indicadores, cada uma variando em funcionalidade e preço. 

Compartilhe seus KPIs com sua equipe. É crucial que os funcionários estejam cientes e entendam as metas de negócios, para que eles saibam no que estão trabalhando e possam ter seus próprios KPIs individuais também. 

Certifique-se de que seus KPIs sejam realistas, se eles forem inatingíveis, os funcionários ficarão frustrados e desmotivados. Ao implementar KPIs individuais, eles devem ser relevantes para as metas gerais do negócio.

Certos indicadores exigirão mais atenção do que outros, use-os para mantê-lo no caminho certo. Por exemplo, atualize sempre o número de vendas mensais e informe cada um dos vendedores sobre seus próprios números individuais e o quão perto estão de atingir suas metas. 

A equipe deve estar ciente do que está fazendo para alcançar e como isso contribui para o objetivo geral do negócio. Assegure-se de que os KPIs sejam revisados e atualizados regularmente. 

O que podemos concluir disso tudo?

Operamos em um mundo em rápida evolução e essas métricas podem ficar desatualizadas rapidamente, especialmente se o seu negócio estiver crescendo. Da mesma forma, você pode descobrir que seus objetivos iniciais mudaram, portanto, não tenha medo de ajustar quaisquer indicadores que você definiu anteriormente. 

Os dados disponíveis são vitais para fornecer um norte. Administrar uma empresa sem monitorar os indicadores é a mesma coisa que navegar em um navio sem leme. Empregue-os e certifique-se de que seu navio, ou frota, sabe onde está e para onde está indo.

    Deixe seu e-mail e receba conteúdos exclusivos

    Analista de conteúdo e marketing da Accenda Digital

    0 respostas

    Deixe uma resposta

    Want to join the discussion?
    Feel free to contribute!

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *