Você sabe a diferença entre inbound marketing e outbound marketing? Você sequer sabe o que significam esses conceitos?

Se você prestar atenção às tendências de marketing, certamente você já deve ter ouvido esses termos vez ou outra, mas o que eles realmente significam?

Esses termos são estruturais e definem a forma como o marketing funciona, especialmente nos canais que você utiliza para atrair, interagir, se relacionar e converter clientes. Leia o artigo até o final e tire todas as suas dúvidas sobre o assunto!

O que é Outbound Marketing?

O outbound marketing é o que costumava ser conhecido apenas como o “marketing” mais tradicional. É aquele que mais invasivo e diretos. Exemplos comuns são os anúncios de TV e rádio, telemarketing, banners e anúncios, outdoors, propagandas em jornais e revistas, ligações frias, pop-ups e por aí vai.

O outbound marketing caiu em desuso nos últimos 10 anos. A saturação excessiva – especialmente na Internet – fez com que as pessoas começassem a ignorar esse tipo de publicidade.

Desde que surgiu o bloqueador de anúncios, isso só piorou. As taxas de cliques para anúncios desse tipo estão agora em 0,05% e, de acordo com um estudo de 2017 da Hubspot, os profissionais de marketing consideram a publicidade paga, como impressa, outdoor e broadcast, a tática de marketing mais superestimada.

O que é Inbound Marketing?

O inbound marketing é um conceito de marketing relativamente novo, no qual os profissionais de marketing tentam “atrair” clientes em potencial com conteúdo interessante. 

Também chamado de marketing de conteúdo, o inbound marketing envolve a criação de postagens de blog, mídia social, infográficos, white papers, e-books, newsletter por e-mail e outros conteúdos que as pessoas realmente queiram ler. 

O SEO é uma das formas de fazerem as pessoas encontrarem esses conteúdos que você produz de forma orgânica nos mecanismos de pesquisa do Google e outros buscadores. Outra maneira de encontrar é através de anúncios pagos do Google

Se o seu conteúdo for envolvente o suficiente, as pessoas irão interagir, lendo compartilhando, e terão uma impressão positiva da marca, o que irá influenciar as decisões de compra posteriores.

O inbound marketing é muito prático: nele nunca há um discurso de vendas perceptível. Ele leva os clientes ao funil de vendas naturalmente, aumentando seu envolvimento com a marca. 

Qual é a diferença entre inbound marketing e outbound marketing?

Para entender de forma mais clara, aqui está a diferença mais importante entre esses dois tipos de marketing: 

Inbound

  • Coloca em primeiro lugar os interesses dos leitores
  • Voltado para as necessidades dos consumidores
  • Interativo e fluido
  • Atrai clientes
  • Faz parte do marketing de conteúdo
  • Muito utilizado em blogs, mídias sociais, email marketing e marketing de influência

Outbound

  • Atinge todos, independente do interesse
  • Voltado para as necessidades do produto
  • Unilateral
  • Busca incessantemente clientes
  • Interrompe o consumo de conteúdo
  • Muito utilizado em anúncios de display, outdoors, telemarketing, revistas e propaganda de TV. 

O que é mais eficaz, inbound marketing ou outbound marketing?

Agora que você já sabe a diferença entre inbound marketing e outbound marketing, é preciso entender qual pode ser mais adequada para suas estratégias. 

O inbound marketing é, de longe, a escolha de marketing mais utilizada pelas empresas no momento. De acordo com a pesquisa de 2017 da Hubspot, 71% das empresas em todo o mundo relataram que estão focadas principalmente em inbound. Certamente, o inbound fornece um ROI melhor: os esforços de inbound marketing são 62% mais baratos do que o outbound.

Por outro lado, o inbound pode ser difícil de medir. Uma vez que a estratégia de inbound marketing depende do aumento do conhecimento da marca, fornecendo valor e não quantificação de vendas, é difícil quantificar exatamente o quanto sua estratégia está funcionando. 

As principais críticas ao outbound marketing são o valor mais alto, o fato de não ser responsivo e não ser direcionado aos públicos. Ou seja, você gasta muito dinheiro em um anúncio de TV, envia para todo o mundo e torce que dê certo.

E, embora a maioria das empresas não vá aumentar os gastos com esse tipo de publicidade externa – vamos ser realistas, o telemarketing nunca fará sentido para a maioria das marcas – as atualizações recentes na segmentação de público estão dando uma nova vida a esse tipo de publicidade.

Coisas como pixels de remarketing, anúncios contextuais e públicos semelhantes permitem que os anúncios gráficos do Facebook, Instagram, Twitter e Google sejam direcionados especificamente para os usuários com base no que eles estão interessados. Este é um tipo de outbound marketing que mostra um potencial inexplorado e contorna os bloqueadores de anúncios. 

Ao contrário do outbound marketing do passado, esse modelo de outbound no marketing digital incorpora a estratégia de inbound de mostrar aos usuários coisas que eles acharão úteis ou interessantes.

No cenário de marketing de hoje, muitas empresas utilizam uma combinação de uma estratégia brilhante de inbound e remarketing de anúncios de display de outbound. O remarketing também pode funcionar apenas com inbound. Claro, como qualquer coisa dentro do marketing, você terá que encontrar um mix que funcione para seus clientes em potencial.

O que é a metodologia do inbound marketing?

Uma boa estratégia de inbound marketing envolve a criação de conteúdo que agrade ao leitor desejado, ajudando-o a encontrá-lo por meio de pesquisas e redes sociais. Para começar, você precisará criar suas personas

  • Quem são as pessoas que você deseja atrair para este conteúdo? 
  • O que elas estão procurando?
  • Do que elas gostam? 

Depois disso, crie uma estratégia de SEO sólida. Como esse público vai encontrar você? Você otimizará seu conteúdo para pesquisas de palavras-chave do Google? Você promoverá seu conteúdo em redes sociais? Com que frequência você vai postar? Muitas dessas coisas você vai descobrir experimentando. Depois disso, é hora de criar seu conteúdo e divulgá-lo para o mundo.

Certifique-se de criar uma forma de avaliar o sucesso dos seus esforços. As métricas orientarão o que você irá fazer daqui para frente. Qualquer estratégia de marketing de sucesso é dinâmica e muda com base nos dados que você coleta sobre a eficácia do seu conteúdo. Descubra o que seu público está procurando, pesquisando e dê isso a eles. 

Encontrando a estratégia de marketing certa para você

Em última análise, a melhor estratégia de marketing para o seu negócio será aquela que funcione. Sempre tente coisas novas enquanto continua fazendo as coisas antigas que já estão funcionando. Analise seus dados com frequência. Lembre-se de que o público também muda. O que funcionou no ano passado pode não funcionar neste ano. As pessoas se cansam de ver a mesma coisa.

O inbound marketing e outbound marketing certamente mudarão com o tempo e à medida que a tecnologia adiciona novos recursos e maneiras de se conectar com as pessoas, por isso sempre será importante: experimentar, medir, analisar, testar e adaptar.

O que achou desse conteúdo? Tendo isso em mente, e já sabendo como criar uma estratégia, resta saber como acompanhar tudo isso. Para te ajudar nisso, leia o nosso conteúdo com as metodologias para criar e acompanhar seu plano de marketing

Deixe seu e-mail e receba conteúdos exclusivos

[avs_toc]

0/5 (0 Reviews)

Analista de conteúdo e marketing da Accenda Digital

1 responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *